Blitzkrieg

Tanque Alemão Tiger A Blitzkrieg significa “guerra-relâmpago” e foi uma tática militar utilizada por forças móveis de forma rápida e que se utilizava do elemento surpresa. Seu idealizador foi o general Erich von Manstein e essa tática possibilitou a Alemanha à conquista de vários territórios. Seu objetivo era impossibilitar que a força atacada tivesse tempo de organizar sua defesa.  Baseava-se em 3 princípios fundamentais: o efeito-surpresa, a rapidez da manobra e a brutalidade do ataque. Visava desmoralizar seus inimigos bem como gerar uma desorganização de suas forças de defesa. Na década de 30 a guerra-relâmpago foi aperfeiçoada pelo general alemão Heinz Guderian.  A Blitzkrieg conseguia atingir seus objetivos penetrando nas linhas inimigas somente com a coordenação da infantaria alemã, blindados e suporte da aéreo . Essa tática possibilitou a Wehrmach com seu poderio militar vencer seus opositores durante a primeira fase da Segunda Guerra Mundial com a invasão da Polônia, Dinamarca, França, Países Baixos, Bélgica e Luxemburgo, Yugoslávia, Grécia e da União Soviética (Operação Barbarossa). A partir de 1942 a guerra-relâmpago começou a ser limitada pois aplicava-se com êxito apenas  em teatros de operação reduzidos e de curta duração.

Referencias:
BLITZKRIEG. In: WIKIPÉDIA, a enciclopédia livre. Flórida: Wikimedia Foundation, 2015. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Blitzkrieg&oldid=42656127>. Acesso em: 24 ago. 2015.

Comentários estão fechados